Muito mais informações online para você

domingo, 22 de setembro de 2013

Consignados do INSS sofrem modificações para evitar fraudes, diz Nádia Guedelha do INSS/MA

Nádia Guedelha - INSS
Também muitos aposentados e pensionistas do INSS estão sendo vítimas de crimes praticados por estelionatários em que são feitos por meio de empréstimos consignados. De acordo com dados da Previdência Social, no mês de julho de 2013, 907.211 contratos de empréstimos foram fechados em todo o país e movimentou R$ 3,25 bilhões. Em se tratando ao Maranhão foi 27.390 contratos e liberado uma quantia de R$ 88.666.578,64.

Ainda este ano, o INSS acabou baixando uma resolução para coibir fraudes em empréstimos consignados a aposentados e pensionistas. Nádia Guedelha falou que a partir de agora, a margem do benefício que pode ser utilizada para o empréstimo, no caso de 30%, passa a ficar bloqueada durante o período de análise da denúncia de fraude, normalmente, 60 dias. “Antes cancelávamos o empréstimo e restituíamos a margem. Muitos faziam o novo empréstimo, mas, agora, estamos fazendo o processo de suspensão, mantendo a margem retida até o final da apuração da denúncia”, declarou.

Os empréstimos consignados para aposentados pelo INSS continuam sendo uma das linhas de crédito mais baratas do mercado, pois, o desconto é feito diretamente do pagamento do benefício da aposentadoria e tendo com taxas de juros variando de 0,74% a 2,14% ao mês.

As denúncias relacionadas a fraudes em empréstimos podem ser feitas à ouvidoria-geral da Previdência Social, pelo portão www.previdencia.gov.br ou pela central de atendimento, discando o número 135.

A mercê de todos
As casas de empréstimos estão em todos os locais seja nos bairros como no Centro da capital. Muitas chegam a estampar no muro da frente letreiros e cartazes com mensagem de inúmeras vantagens de pagamento e isso tudo como uma das garantias para atrair clientes. 

Na Rua do Sol, no Centro, é possível encontrar mais de 30 desses pontos comerciais, sendo, um ao lado do outro. Já na Rua da Paz, do Passeio, Grande como ainda no João Paulo, Cohab, Cohatrac e dentre outros a situação é a mesma, e algumas delas estão localizadas vizinhas as agências bancárias.

A equipe de O Imparcial esteve em um desses estabelecimentos comerciais para saber informações sobre os procedimentos que um idoso deve tomar para realizar um empréstimo desconto diretamente na folha de pagamento. Um dos funcionários, que não quis se identificar, informou que os documentos necessários são a identidade e o comprovante de renda, sendo, original e cópia. No prazo de 48 horas, o dinheiro está em conta e as formas de pagamento chegam a ser até 38 meses.

Do Imparcial
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Popular Posts

Recent Posts

Unordered List

Text Widget

VISUALIZAÇÕES

Vídeos

Loading...

Pesquisar

Tecnologia do Blogger.

Siga por E-mail

Seguidores

Text Widget

Copyright © BuritiNet | Powered by Blogger Design by PWT | Blogger Theme by NewBloggerThemes.com | Distributed By Blogger Templates20